Todos os tipos de Lustre pendente: saiba como escolher o ideal

A escolha do tipo de lustre certo é capaz de transformar a iluminação e decoração de qualquer cômodo da casa.

Usar luminária pendente é uma solução barata para iluminar e decorar sua casa. Elas custam menos do que outros tipos de luminárias, como plafons e abajures, e dão aquele toque final no ambiente.

Pensando nisso, separamos aqui algumas dicas de como escolher o tipo de lustre pendente ideal. Acompanhe!

O que é lustre pendente?

Normalmente, o lustre tem várias lâmpadas, que ficam colocadas em “ramificações”. Isso resulta em uma iluminação, geralmente, mais abrangente.

É muito comum lustres elaborados serem mais utilizados em decorações mais clássicas, mas isso não é uma regra.

Já os lustres pendentes têm um ar mais contemporâneo e são mais usados em iluminações feitas para destacar algum ponto específico.

Ele recebe esse nome porque é instalado de forma suspensa. Ficam sempre pendurados, geralmente em fios longos, e com a fonte de luz instalada na ponta inferior.

Eles costumam ser colocados em:

  •         Mesa de refeição;
  •         Bancadas;
  •         Mezanino;
  •         Laterais da cama.

Cuidados na hora de escolher e instalar

Alguns pontos devem ser levados em consideração para não dar nenhum problema na hora da instalação ou do uso.

A iluminação feita por pendente tem como objetivo trazer um foco mais intenso para locais específicos, como bancadas de refeição.

Assim, para tornar o momento muito mais confortável, prático e aconchegante, cheque o número de lâmpadas que são usadas no modelo a ser escolhido para evitar um aquecimento excessivo no local onde ele será instalado.

Além disso, preste atenção na temperatura das lâmpadas para garantir maior conforto para a visão.

Como escolher lustre pendente?

Para decidir qual é o modelo certo para cada ambiente você precisa saber o objetivo da iluminação em determinado espaço. Por exemplo:

Se o objetivo for iluminação geral

O melhor é optar por um pendente com cúpula translúcida que emita luz difusa.

As cúpulas de tecido deixam a luz suave e aconchegante, perfeita para receber visitas na sala de estar ou para jantar. Os pendentes de luz difusa também são ótimos para pendurar ao lado da cama.

Se o objetivo for iluminação de tarefa

Se você precisa iluminar um espaço para uma atividade específica como ler, preparar alimentos ou até comer, prefira um pendente com cúpula de vidro ou acrílico.

A luz emitida por esse tipo de pendente é mais contundente e brilhante, ideal para a cabeceira da cama, principalmente se você gosta de ler antes de dormir ou para a bancada da cozinha.

Se o objetivo for iluminação de destaque

Para dar um destaque a mais para algumas áreas e objetos, opte por um pendente de luz focada.

A luz focada é gerada quando a cúpula do pendente é totalmente fechada em cima e feita de um material que não permite a passagem de luz, como metal. Assim, toda a luz emitida pela lâmpada é focada para baixo.

Esse tipo de iluminação é bastante decorativa e muito instalada ao lado do sofá ou sobre a mesa de jantar.

Dicas para escolher um lustre pendente:

  •         Considere outros elementos do ambiente para manter o estilo do espaço;
  •         Avalie o formato do ambiente para maior valorização;
  •         Pense no comprimento desejado (por exemplo, se a peça ficar acima de uma mesa, a altura mínima é de 91 centímetros entre o tampo da mesa e o lustre);
  •         Não tenha medo de decorar com múltiplos;
  •         Se você não tem muito conhecimento na área, invista em um lustre feito sob medida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *