Blog Lustres Gênesis Blog Como fazer a iluminação de apartamento alugado

Como fazer a iluminação de apartamento alugado

Como fazer a iluminação de apartamento alugado

Quando vamos morar em um apartamento alugado é natural que por muitas vezes você não possa modificar a estrutura. Mas nem por isso deve ficar em um local que não possa trazer um pouco de sua personalidade.

Pensando nisso, separamos algumas dicas de como você pode fazer uma boa iluminação no apartamento alugado sem mexer na parte elétrica em busca de novos pontos de eletricidade.

E então, vamos lá?

Como iluminar um apartamento alugado?

Frequentemente quando estamos em um apartamento alugado é imprescindível que seja revisto o contrato com o proprietário para que fique claro o que o inquilino pode modificar e fazer dentro do apartamento. Em geral, não é permitido que se faça qualquer tipo de obra relacionada a fiação elétrica.

Sendo assim, o número de pontos de iluminação pode ser bem limitado, normalmente com um ponto central em cada cômodo. Para mudar isso existem algumas alternativas para que você possa inovar e trazer mais do que você gosta para o espaço.

Dicas de como aproveitar a iluminação

Quando estamos em um apartamento de aluguel é necessário conhecer todo tipo de luminária que não estrague a estrutura original do proprietário. Além disso, algumas dicas que são imperdíveis para esses casos como utilizar luminárias de mesa e chão.

Mas principalmente aquelas que contribuam com os pontos de eletricidade que não podem ser alterados. Existe algo que pode ser revolucionário, as eletrofitas, são fitas eletrificadas que podem ser coladas no teto, e assim, colocados spots de sobrepor acima elas. Ao final basta pintar da mesma tonalidade do teto e pronto.

Conheça agora diversas luminárias para se trabalhar em uma casa alugada:

Trilho eletrificado

Esse tipo de luminária é muito versátil e pode ser colocada em diferentes posições do teto, o trilho eletrificado nada mais é do uma haste metálica responsável por transportar o fio elétrico. Nele são dispostos diversos spots da sua preferência e na angulação que preferir.

São práticos de fazer a retirada e ainda são bem simples de instalar. Entretanto, é necessária autorização do proprietário já que você precisará fazer perfurações no teto.

As fitas de LED

As fitas de LED são práticas e podem ser condicionadas em qualquer cômodo, sendo ótimas para situações em que não se podem fazer modificações no ambiente. Com cola adesiva, fica simples e fácil de fazer a colagem em pontos estratégicos como abaixo de bancadas e armários.

Plafons de sobrepor

Os plafons são luminárias também compostas por luzes de LED dispostas em um painel que contribui com uma ampla iluminação. Consiste basicamente em uma tela leitosa que proporciona uma iluminação mais difusa.

Ou seja, deixa um tom de luz agradável e expansivo, mas não é algo direto e forte. É uma excelente opção já que pode ser retirado e instalado com praticidade.

Luminária de chão e mesa

Agora, para ter uma iluminação auxiliar você pode optar por luminárias de chão e de mesa, essas conhecidas popularmente como abajur. Com vários modelos, é possível dispor por todo o apartamento pontos luminosos para trazer cenários diversos.

Faça a utilização de luminárias chão com luzes mais difusas e com um ângulo direcionado tanto para o teto quanto para o chão. Tudo isso, para que não tenha um foco de luz direcionado.

Pendentes realocados

Um clássico de todos os apartamentos seriam os pendentes, contendo diversos modelos e tamanhos pode ser uma opção imperdível para quem tem poucos pontos de luz na residência e ainda utilizar dos deslocadores, desse modo, você pode usar a criatividade para fazer algo novo com diversos pingentes em um único ponto de luz.

Após essas dicas fica bem mais fácil criar uma iluminação única e simples sem complicações no seu apartamento alugado. Acompanhe mais do nosso blog para ser sempre atualizado com o melhor em iluminação.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Post